Cadeira de criança para bicicleta, o nosso filho odeia

Get out and have fun, weekly ideas on our channel
Take me there


À muito tempo que não íamos dar uma volta de bicicleta, e a razão principal é que o nosso filho odeia a cadeira de bicicleta dele. Ele grita, chora e queixa-se todo o caminho. A última vez que andámos tivemos de levar a bicicleta com a cadeira à vez porque já não se aguentava ouvir as queixas e tornou o que devia ser uma viagem calma e agradável num pesadelo.
Este fim-de-semana nós nem éramos para ir andar de bicicleta, estava tudo pronto para irmos acampar mas o tempo estragou tudo, começou a chover e tivemos de mudar de planos.

A nossa experiência com cadeiras de bicicletas

Como não conseguimos estar quietos em casa decidimos ir experimentar outra vez. Quem sabe, agora que ele já é mais velho vai gostar, e gostou, durante 15 minutos ele gostou muito, estava contente a apontar para o que via e a fazer perguntas mas depois…
A alegria acabou, ele começou a sentir-se preso e sem conseguir participar. A nossa cadeira é uma Polisport traseira e apesar de ser de ótima qualidade e aparentar ser segura ele não gosta de ficar lá atrás, sente que não faz parte da viagem, não consegue participar.

Cadeiras de bicicleta alternativas

Se estão à procura de cadeiras para crianças porque não alugar uma, e melhor ainda tentem alugar uma que se monte na frente. Nós alugámos uma nas férias e estivemos uma tarde inteira a andar e ele adorou, foi uma diferença muito grande.

As vantagens que encontrámos nessa fizeram-nos arrepender não a ter comprado.

  • A criança vê tudo o que se passa
  • Conseguimos falar facilmente
  • Conseguimos interagir e explicar o que vemos
  • A criança pode tocar a campainha da bicicleta. Acreditem eles ficam super contentes por ter uma coisa para fazer. O nosso tinha de avisar os peões.

Podem pensar que estas cadeiras expõe o vosso filho aos elementos ou que não é seguro, pelo menos isso foi uma das razões que nos levou a escolher a cadeira traseira, mais tradicional. Mas pelo menos na nossa família a Aiste veste o nosso filho sempre como se fosse inverno e segurança é algo que é um fator qualquer que seja a cadeira escolhida pelo que devemos ter extra cuidado.
A olhar para trás pensamos que o uso que demos à cadeira foi muito pouco e isso deveu-se em parte a ser a versão traseira, pelo menos é o que pensamos.

Esperamos que a nossa experiência com cadeiras de crianças vos ajudem a decidir melhor. Se tiverem experiências diferentes digam-nos nos comentários adoramos ouvir.

Get out and have fun, weekly ideas on our channel
Take me there